Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Comando da AMAN > Cadetes do Curso Básico recebem o Espadim de Caxias

Notícias

Cadetes do Curso Básico recebem o Espadim de Caxias

publicado: 23/08/2017 08h24 última modificação: 23/08/2017 08h25

          A cada turma de recebe o Espadim na Academia Militar das Agulhas Negras, renova-se a esperança de todo o Exército na manutenção dos valores seculares que sustentam a instituição. O próprio símbolo da honra militar foi entregue aos Cadetes do Curso Básico no dia 19 de agosto, às 11 horas da manhã no Pátio Tenente Moura.

            Os 465 Cadetes da turma “150 anos da Campanha da Tríplice Aliança”, sendo 9 estrangeiros de Camarões, Guatemala, Guiné Bissau, Moçambique e Senegal vestiram pela primeira vez o uniforme histórico do Corpo de Cadetes e receberam das mãos de seus amigos e familiares o Espadim que os acompanhará pelos próximos três anos de curso até o final da sua formação.  O Cadete Lucca Torres, primeiro colocado do Curso Básico, recebeu a miniatura do sabre invicto de Caxias das mãos do Ministro da Defesa, Raul Jungmann.

            Além do Ministro da Defesa estiveram presentes à solenidade o Gen Ex Juarez, Chefe do Departamento de Ciência e Tecnologia que representou o Comandante do Exército, os antigos Comandantes do Exército, Gen Ex Gleuber e Gen Ex Enzo, os Ministros do Superior Tribunal Militar, Gen Ex Mattos e Gen Ex Farias, o Secretário de Economia e Finanças, Gen Ex Mourão, o Chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército, Gen Ex Cid, o Comandante Militar do Leste, Gen Ex Braga Netto, o Comandante da Escola Superior de Guerra, Gen Ex Schons, além de outras autoridades civis e militares.

           

Um pouco de História

 

            A primeira cerimônia de entrega dos Espadins foi realizada em 15 de dezembro de 1932, na antiga Escola Militar do Realengo, no Rio de Janeiro-RJ. A partir de 1944 a cerimônia ganhou ares grandiosos, com a inauguração da Escola Militar de Resende.

            Instituída pelo Marechal José Pessoa, o mesmo idealizador da AMAN, a miniatura da espada invicta de Caxias tornou-se o símbolo mais importante do Cadete, compondo seu uniforme histórico e sendo a única arma de seu uso privativo. Sua inspiração foi a mesma espada utilizada por Duque de Caxias na Batalha de Itororó, durante a Campanha da Tríplice Aliança (Guerra do Paraguai), quando ao desembainhá-la bradou: “Sigam-me os que forem brasileiros”.

            Para o Cadete, o Espadim é a representação da honra e servidão militar dos futuros oficiais. Reflete o patriotismo, a cultura, a energia, a bravura e o altruísmo do patrono do Exército Brasileiro. Espelha, portanto, todos os atributos e virtudes necessárias ao militar.